Prefeitura de Tatuí
  1. Home
  2. »
  3. Destaque
  4. »
  5. ALERTA PARA O COMBATE AO MOSQUITO AEDES AEGYPTI: TATUÍ CONFIRMA 20 CASOS DE DENGUE EM…

ALERTA PARA O COMBATE AO MOSQUITO AEDES AEGYPTI: TATUÍ CONFIRMA 20 CASOS DE DENGUE EM 2024

Publicado em:

A Sala de Situação da Dengue alinhou o cenário dois do Plano Municipal de Contingência, com atenção para as ações de combate ao mosquito e alerta para que não ocorra um novo surto da doença em Tatuí.

O período epidêmico de Dengue, entre os meses de outubro a maio, com chuvas isoladas e temperatura elevada, tem contribuído para o aumento de focos do mosquito Aedes Aegypti e, consequentemente, da doença. Em Tatuí, até o dia 14 de fevereiro já foram confirmados 20 casos da doença, sendo 13 casos no mês de janeiro (4 autóctones e 9 importados) e 7 casos no mês de fevereiro (4 autóctones e 3 importados).

Em virtude disso, a Prefeitura de Tatuí está em alerta, trabalhando para controlar os focos do mosquito e evitar um novo surto de Dengue no município, como já aconteceu em 2021. Nesta quinta-feira (15/2), o Setor de Combate à Dengue da Secretaria da Saúde realizou a Sala de Situação da Dengue, no Paço Municipal, com o intuito de apresentar para outras Secretarias o cenário dois do seu Plano de Contingência, com ações para que o pior não aconteça e não fuja do controle. O cenário dois apresenta um maior número de casos, porém dentro do esperado para o período epidêmico.

Portanto, estiveram reunidos para trabalhar neste fluxograma do Plano de Contingência, representantes das Secretarias da Saúde; Educação; Agricultura, Meio Ambiente e Bem-Estar Animal; Assistência e Desenvolvimento Social; Administração e Negócios Jurídicos; Fazenda, Finanças, Planejamento e Trabalho; Governo e Transporte Público; Segurança Pública e Mobilidade Urbana; e Serviços Públicos e Zeladoria; além de representantes da UPA – Unidade de Pronto Atendimento, da Ouvidoria Municipal, do Departamento de Comunicação e da Coordenadoria de Controle de Doenças da Secretaria de Estado da Saúde; incluindo, ainda, os vereadores Micheli Vaz e Fábio Villa Nova.

De acordo com a coordenadora do Setor de Combate à Dengue, Juliana Aparecida de Camargo da Costa, esse cenário dois do Plano de Contingência só será realmente efetivo se a população se unir ao Poder Público no combate ao mosquito. “O munícipe precisa se conscientizar e fazer a sua parte, colaborando com a limpeza de residências e terrenos, e praticando as medidas de prevenção em seu quintal. Além disso, é imprescindível que permita a entrada dos Agentes de Controle de Endemias em sua casa ou comércio para o controle de criadouros e para a nebulização portátil”, comenta Juliana.

Segundo Sandra Cardoso Sanches, representante da Coordenadoria de Controle de Doenças da Secretaria de Estado da Saúde, as nebulizações portáteis são de extrema importância, representando 90% de eficácia no controle de novos focos. Juliana acrescentou que primeiro é feito um bloqueio no bairro atingido pelo mosquito e, em um raio de 150 metros da residência da pessoa que testou positivo para Dengue (distância esta que um único mosquito alcança), a equipe de Agentes de Controle de Endemias vai de casa em casa para localizar e eliminar o foco. Em seguida, acontece a nebulização portátil, a qual o técnico aplica o veneno com a máquina nas costas, de casa em casa onde foi feito o bloqueio. O veneno é aplicado na área externa da residência, da parte dos fundos até a frente. E, por fim, com 20% de eficácia, é feita a nebulização pesada, o famoso “fumacê” – que, em Tatuí, ainda não aconteceu neste ano.

Sandra completou sua participação na Sala de Situação expondo a implantação do Centro de Operações de Emergências (COE), do Governo do Estado de São Paulo, criado para definir estratégias e ações de combate ao Aedes Aegypti, alinhando os planos e investimentos criados para combater o vetor de doenças como a Dengue, Chikungunya e Zika em todas as cidades paulistas. Por fim, ela alertou que nas regiões de Sorocaba e Itapetininga o número de casos positivos de Dengue está aumentando a cada dia deste novo ano, inclusive com o sorotipo 2 circulando na cidade de Porto Feliz.

AÇÕES REALIZADAS

No período de 18 de janeiro a 14 de fevereiro, o Setor de Combate à Dengue da Secretaria da Saúde promoveu as seguintes atividades de combate ao mosquito: 11.510 visitas à imóveis; 3.923 controles de criadouros; 1.777 nebulizações portáteis; 33 ações sanadas; aplicação de inseticida nos pontos estratégicos (cemitérios, ferro velhos, cooperativas de reciclagem etc); reunião com representantes das Unidades Básicas de Saúde, do hospital particular e da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) para unificação de um fluxo de atendimento das pessoas com sintomas de Dengue; produção de um vídeo para as redes sociais da Prefeitura; e entrevistas sobre o assunto para os veículos de comunicação da cidade.

A Secretaria de Serviços Públicos e Zeladoria informou que ocorre diariamente a ação “Bairro Limpo”, em conjunto com os serviços de poda, capina, roçada e varrição, tendo sido recolhidos, todos os dias, aproximadamente, seis caminhões de materiais inservíveis retirados destes locais. Já a Secretaria de Fazenda, Finanças, Planejamento e Trabalho apresentou que em 2024 foram notificados 116 terrenos e 37 residências por falta de limpeza. Com a volta das aulas na Rede Municipal de Ensino, nesta semana, o trabalho educativo e de conscientização com os alunos deve ser retomado.

CUIDADOS

A Prefeitura de Tatuí pede a colaboração de todos quanto à limpeza e à manutenção de terrenos e residências, que devem ser constantes; o descarte correto de entulhos e demais materiais deve ser feito nos diversos Ecopontos (confira a lista completa, com dias, horários e locais de funcionamento em www2.tatui.sp.gov.br/servicos/ecopontos/). O munícipe também pode denunciar os terrenos sujos e abandonados da cidade, ou as casas recém-construídas sem moradores e com piscinas, para a Ouvidoria Municipal no link tatui.sp.gov.br/ouvidoria ou pelos telefones 0800-770-0665 e (15) 3251-3576; ou ainda pelo telefone da Secretaria da Saúde (15) 3305-8855.

Além das denúncias, é importante que cada um faça a sua parte na própria residência, como deixar a caixa d’água bem fechada e limpa; descartar de forma adequada pneus usados; retirar do quintal objetos que acumulam água, como vasos de planta, potes e garrafas; manter materiais de reciclagem em saco fechado e em local aberto; e usar repelente diariamente.

Todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) atendem as pessoas com suspeitas de Dengue, realizam notificações, coleta de exames e todas as ações necessárias, conforme protocolo do Ministério da Saúde. Portanto, quem apresentar febre, acompanhada de, pelo menos, dois sintomas como náuseas, vômitos, manchas avermelhadas pelo corpo, dor nas articulações, dor de cabeça ou dor no fundo do olho, deve procurar a UBS mais próxima de sua residência de segunda a sexta-feira. Aos fins de semana, é necessário procurar a UPA.

Compartilhe:

Outras

Notícias

EXPOSIÇÃO “ÂMAGO”, DE LILIANA REIS, ENTRA EM SEUS ÚLTIMOS DIAS DE MOSTRA NO MUSEU HISTÓRICO “PAULO SETÚBAL”

As obras permanecem em cartaz até este domingo (21/4), com visitação gratuita das 9h às 17h.

MUSEU “PAULO SETÚBAL” SEDIA RECITAIS DE ESTUDANTES DO CONSERVATÓRIO DE TATUÍ

Os cinco recitais têm entrada franca e acontecem nos dias 23 e 25 de abril.

PROJETO “MÚSICA NA PRAÇA” RECEBE A CORPORAÇÃO MUSICAL “SANTA CRUZ”

O repertório faz jus as bandas de coreto, com a execução de marchas tradicionais com composições e arranjos de professores e maestros de Tatuí.

Comunicar erro

Encontrou algum erro em nosso site ?
Utilize os campos abaixo para informar o que encontrou e assim ajudar-nos a melhorar nossos serviços prestados através deste canal.
Obs.: Os campos com asterisco (*) são obrigatórios.

Caso necessite, visite nossa seção de Perguntas e Respostas.

Pular para o conteúdo