Prefeitura de Tatuí
  1. Home
  2. »
  3. Saúde
  4. »
  5. POR TER ELIMINADO A TRANSMISSÃO VERTICAL DO HIV, TATUÍ RECEBE PRÊMIO “LUIZA MATIDA”

POR TER ELIMINADO A TRANSMISSÃO VERTICAL DO HIV, TATUÍ RECEBE PRÊMIO “LUIZA MATIDA”

Publicado em:

Representando a Prefeitura de Tatuí, a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Rosana Oliveira, enalteceu que no município o HIV não é transmitido de forma vertical há 20 anos.

A Prefeitura de Tatuí, por meio do Ambulatório de Infectologia da Secretaria da Saúde, recebeu, na quarta-feira (25/10), o Prêmio “Luiza Matida” – 5ª edição, por ter eliminado, no ano de 2022, a transmissão vertical do HIV (Vírus da Imunodeficiência Humana). Isso significa que não foi registrado nenhum caso de HIV da mãe para o bebê no período da gestação, do parto ou da amamentação.

A premiação aconteceu em São Paulo, durante a 8ª Semana Paulista de Mobilização Contra a Sífilis e Sífilis Congênita. Estiveram presentes autoridades de, aproximadamente, 236 municípios do Estado de São Paulo que atingiram indicadores selecionados para a redução ou eliminação da transmissão vertical do HIV e/ou Sífilis. Os números utilizados para a avaliação dos municípios são os dados oficiais, coletados por meio do SINASC (Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos), SINAN (Sistema de Informação de Agravos de Notificação) gestante, SINAN sífilis congênita e SINAN sífilis gestante.

Representando a Prefeitura de Tatuí, a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Rosana Oliveira, enalteceu que no município o HIV não é transmitido de forma vertical há 20 anos. “Agradecemos aos profissionais envolvidos no Programa IST, HIV/Aids e Hepatites Virais do Ambulatório de Infectologia e Vigilância Epidemiológica, da Atenção Básica de Saúde e da Maternidades, que atuam diretamente na contenção e eliminação da transmissão vertical do HIV, cumprindo os protocolos de tratamento e prevenção do vírus, e acompanhando as gestantes durante todo o pré-natal e no momento do parto”, comemorou Rosana.

O Prêmio “Luiza Matida”, concedido pelo Governo do Estado de São Paulo, é uma homenagem à médica pediatra e sanitarista Luiza Harunari Matida, que faleceu em 2014. Ela foi uma das responsáveis pela elaboração de políticas e ações de controle da Sífilis no Estado, tendo trabalhado por 20 anos no Centro de Referência e Treinamento DST/AIDS-SP da Secretaria de Estado da Saúde.

Compartilhe:

Outras

Notícias

CENTRO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DE TATUÍ, EM PARCERIA COM O SENAI, INICIA A PRIMEIRA TURMA DO CURSO INÉDITO DE COMANDOS ELÉTRICOS

Há previsão de abertura de novas turmas; os interessados devem procurar o Centro de Formação Profissional de Tatuí – Parceria SENAI.

TATUÍ REALIZA A 2ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DA CIDADE NESTA QUINTA-FEIRA (13/6)

Esta Conferência é uma etapa preparatória para a “7ª Conferência Estadual das Cidades Paulistas” e para a “6ª Conferência Nacional das Cidades”.

EMEF “PROF. PAULINHO RIBEIRO” RECEBE PROJETO DE MÚSICA DO ESPAÇO CULTURAL “MELODY MUSIC ARTS”

Denominado “A música que há em mim”, o projeto levará o aluno a explorar o mundo da música de uma forma interativa e envolvente.

Comunicar erro

Encontrou algum erro em nosso site ?
Utilize os campos abaixo para informar o que encontrou e assim ajudar-nos a melhorar nossos serviços prestados através deste canal.
Obs.: Os campos com asterisco (*) são obrigatórios.

Caso necessite, visite nossa seção de Perguntas e Respostas.

Pular para o conteúdo