USUÁRIOS DE ÁLCOOL E DROGAS DOS ARREDORES DA LINHA DO TREM, NO ROSA GARCIA II, SÃO ATENDIDOS PELO PROJETO “ACOLHIDA”

A Prefeitura de Tatuí realizou, através do FUSSTAT e das Secretarias de Assistência e Desenvolvimento Social e de Saúde, nos arredores da linha do trem, no Jardim Rosa Garcia II, mais uma edição do Projeto “Acolhida”.

Na última quinta-feira (20/10), a Prefeitura de Tatuí, por meio das Secretarias de Assistência e Desenvolvimento Social e de Saúde, em parceria com o FUSSTAT – Fundo Social de Solidariedade de Tatuí, realizou, nos arredores da linha do trem, no Jardim Rosa Garcia II, mais uma edição do Projeto “Acolhida”.

A ação abordou pessoas que vivem em vulnerabilidade social em decorrência do uso de álcool e drogas, oferecendo a elas a abordagem social, a entrega de lanches, os testes rápidos de HIV, de Sífilis e de Hepatite, além da aplicação de anticoncepcional para as mulheres.

Para que tudo isso fosse possível, houve a participação de uma equipe formada por assistente social, orientador social, psicólogo e enfermeira, que são profissionais do CREAS – Centro de Referência Especializada de Assistência Social, do CAPS-AD – Centro de Atenção Psicossocial – Álcool e Drogas e da Vigilância Epidemiológica.

Além do atendimento e da acolhida, a ação teve o intuito de compreender as particularidades dessas pessoas e detectar as características e as dimensões da situação em que vivem, para que possam ser elaboradas propostas a respeito da problemática.

Nesta ação, a presidente do FUSSTAT, Regiane Rosa Cardoso esteve presente, assim como o secretário Alessandro Bosso, da Assistência e Desenvolvimento Social.

As abordagens do Projeto “Acolhida” continuarão em outros pontos da cidade, identificando as pessoas usuárias de drogas para que possam ser oferecidos serviços de saúde e de assistência social a elas.

Compartilhe:

Skip to content