Prefeitura de Tatuí
  1. Home
  2. »
  3. Guarda Civil Municipal
  4. »
  5. QUATRO OCORRÊNCIAS DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA FORAM ATENDIDAS PELA GCM NA ÚLTIMA SEMANA

QUATRO OCORRÊNCIAS DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA FORAM ATENDIDAS PELA GCM NA ÚLTIMA SEMANA

Publicado em:

Viatura do Projeto “Patrulha da Paz”, da GCM.

Nos últimos meses, infelizmente, diversas ocorrências de violência doméstica, sejam elas de ameaça ou de agressões verbais e físicas, estão sendo atendidas pela Guarda Civil Municipal de Tatuí (GCM). Dentre tantas, uma delas aconteceu na última quinta-feira (07/04), na Vila Esperança. 

A GCM foi acionada, via “Botão do Pânico”, por uma mulher de 41 anos de idade. Ela alegava que seu ex-companheiro estava, aparentemente, nervoso e alterado e tentava a todo custo conversar com ela, gritando e gesticulando em frente ao portão de sua residência. Ao chegar rapidamente no local (protocolo comum no caso do acionamento do “botão do pânico”), os guardas municipais controlaram a situação. 

De acordo com a vítima, o fato é recorrente desde o fim do relacionamento, há cerca de um ano, e que, no dia anterior (06/04), já tinha procurado a Delegacia de Defesa da Mulher para registrar um Boletim de Ocorrência. Mas, como não houve agressão física e como o homem não tinha antecedentes criminais, tal ato ficou impossibilitado. Por isso, ela foi orientada a procurar a Justiça Restaurativa para a instalação do “Botão do Pânico”, que já foi usado logo pela manhã do dia seguinte (07/04), na referida ocorrência, quando o homem a procurou. Os guardas municipais que realizaram o atendimento, registraram um Boletim de Ocorrência Eletrônico, solicitando a Medida Protetiva em favor da vítima. 

É importante lembrar que a violência – física, psicológica, sexual, moral e patrimonial –  contra a mulher é uma violação de direitos humanos, um problema de saúde pública e crime. Ela diminui a qualidade de vida das mulheres e de suas famílias, gerando prejuízos à sua autonomia e seu potencial, e trazendo consequências como morte, lesões, traumas físicos e vários tipos de agravos mentais e emocionais.  

As denúncias podem ser feitas na Central de Atendimento à Mulher, pelo Ligue 180. Em Tatuí, há uma Rede de Apoio à Mulher Vítima de Violência: Delegacia de Defesa da Mulher, situada na Praça da Bandeira, nº 53, Centro, telefone (15) 3305-6619; CREAS – Centro de Referência Especializado de Assistência Social, situado na Rua Treze de Fevereiro, nº 396, Centro, telefone (15) 3259-0704; JR – Núcleo da Justiça Restaurativa, situado na Praça Paulo Setúbal, nº 71, Centro, telefones (15) 3305-1530 e (15) 99629-8316; e a Patrulha da Paz, da Guarda Civil Municipal, situada na Rua Chiquinha Rodrigues, nº 991, Vila Doutor Laurindo, telefones (15) 3251-2849 ou 199/153. 

Demais ocorrências – Além desta ocorrência, no período de 4 a 10 de abril, também foram abordadas 92 pessoas e 15 veículos, e registrados 15 atendimentos, sendo: averiguação (3); captura de procurado (1); acidente de trânsito (1); encontro de cadáver (1); apreensão de arma de fogo (1); ocorrência com animal (2); incêndio em veículo (1); e apoio à outras instituições (5).

Em relação às ocorrências crime, foram 14 homens presos (10 maiores de idade e 4 menores de idade) e 13 flagrantes, resultando em 7 ocorrências por tráfico de entorpecentes (55 porções de cocaína, 21 porções de crack e 4 porções de maconha), 2 ocorrências por furto e mais 3 ocorrências por violência doméstica, além da citada acima. 

Compartilhe:

Outras

Notícias

EVANDRO CAMARGO É A PRÓXIMA ATRAÇÃO DO “HAPPY HOUR MUSICAL”

Cantor tatuiano se apresenta no dia 28 de junho, sexta-feira, às 19h, na Praça de Alimentação Municipal.

VIOLINISTA ALESSANDRO PENEZZI É O CONVIDADO ESPECIAL DO PROJETO “RODA DE CHORO”

O evento, às 17h do dia 25 de junho, é gratuito e acontece no Foyer Mário Covas, situado no Teatro Procópio Ferreira.

NÚMERO DE CASOS DE DENGUE EM TATUÍ COMEÇA A DIMINUIR COM O FIM DO PERÍODO EPIDÊMICO, QUE TERMINOU NO MÊS DE MAIO

Clima mais frio e seco, somado as ações realizadas pela Prefeitura e pela população, atuam na diminuição dos focos do mosquito Aedes Aegypti.

Comunicar erro

Encontrou algum erro em nosso site ?
Utilize os campos abaixo para informar o que encontrou e assim ajudar-nos a melhorar nossos serviços prestados através deste canal.
Obs.: Os campos com asterisco (*) são obrigatórios.

Caso necessite, visite nossa seção de Perguntas e Respostas.

Pular para o conteúdo