NOVO PAÇO MUNICIPAL DE TATUÍ SERÁ INAUGURADO NA PRÓXIMA SEMANA

Novo Paço Municipal receberá o nome de "Prefeita Maria José Gonzaga".

Às 17h30 do dia 09/09, quinta-feira, em cerimônia que contará com a presença de autoridades civis, militares e religiosas, será inaugurado o novo Paço Municipal de Tatuí. O evento seguirá as restrições sanitárias e a população poderá também acompanhar ao vivo pelas redes sociais da Prefeitura. 

Em homenagem póstuma, a sede do Poder Executivo será nomeada “Maria José Gonzaga”. Lei foi aprovada na Câmara de Tatuí, cujo projeto foi apresentado pelo vereador João Eder Miguel, como forma de “eternizar a memória da prefeita em Tatuí e prestar justiça a quem muito fez por nós”, palavras deste vereador em suas redes sociais. Outros vereadores o acompanharam o parlamentar na votação do projeto, que foi aprovado de forma unânime. 

Construído para ser um modelo em sustentabilidade, o prédio do novo Paço Municipal contém itens, em sua edificação, que procuram promover a economia de recursos, como água (torneiras com redutor de vazão ou temporizador – evitando o desperdício de água, válvulas de descarga com duplo acionamento – reduzindo 50% o consumo de água no sanitário – e sistema de captação de águas pluviais usadas para irrigação) e energia elétrica (pisos e paredes claras, ventilação cruzada, janelas e portas de vidro, cinturão de árvores, iluminação com lâmpadas LED, aparelhos que reduzem o gasto energético e placas de captação de energia solar). 

O Paço Municipal também possui a estrutura brise soleils, que auxilia no controle, de forma passiva, da temperatura dos ambientes, promovendo sombreamento e ventilação cruzada. Além disso, a edificação sustentável busca incentivar a redução de resíduos, por meio da coleta seletiva, permitindo a acessibilidade (rampas e demais itens que facilitam o acesso e a circulação de todos em suas dependências, valorizando a inclusão) e a mobilidade urbana alternativa (com a instalação de bicicletários, incentivando a carona solidária). O entorno do prédio possui uma área permeável gramada e as vias de acesso possuem piso intertravado, que permitem a infiltração das águas pluviais, ou seja, o abastecimento dos lençóis freáticos e a diminuição da percolação da água superficial. 

A viabilização da construção foi através de recursos de convênio com o Governo Federal, através da Caixa Econômica Federal. O prédio possui 2.740 m2 e abriga todas as secretarias executivas da administração municipal. 

Maria José Gonzaga – Natural de Angatuba (SP), Maria José Pinto Vieira de Camargo (Maria José Gonzaga) nasceu em 10 de junho de 1946. Foi casada com o ex-prefeito e ex-deputado estadual Luiz Gonzaga Vieira de Camargo. O casal teve duas filhas, Alessandra e Juliana e 5 netos. 

Professora, foi empresária e dirigiu o Escritório Santa Cruz por cerca de 40 anos. Filantropa e Catequista. Durante 8 anos (2005/2012) dirigiu o FUSSTAT (Fundo Social de Solidariedade), na gestão do prefeito Luiz Gonzaga Vieira de Camargo. 

Á frente do FUSSTAT realizou ações pioneiras e inéditas, como a criação dos Centros de Capacitação nos bairros, Casamento Comunitário, Bazares e Feiras e o Projeto “Envelhecer com Qualidade de Vida”. Defendeu a geração de renda e o acolhimento humano como forma de dar dignidade às pessoas.  

Disputou e venceu duas eleições municipais. Foi a 37º prefeita de Tatuí, eleita para o mandato 2017/2020, com 51,38% dos votos válidos, em 2016. Foi reeleita em 2020, com 58,29% dos votos válidos, para um segundo mandato, no período 2021/2024. 

Foi a segunda mulher a ocupar o cargo máximo do Poder Executivo de Tatuí e a primeira eleita pelo voto popular. A primeira prefeita de Tatuí ocupou o cargo entre 1945 e 1947, foi Francisca Pereira Rodrigues, a professora Chiquinha Rodrigues (1896/1966). 

A gestão de Maria José Gonzaga à frente da Prefeitura de Tatuí foi marcada pela superação de vários desafios, desde a reestruturação da infraestrutura, investimentos na Educação, Cultura, Esportes, Meio Ambiente, Social, Segurança e a reestruturação da Santa Casa local, que foi toda reformada.   

Maria José Gonzaga faleceu no dia 8 de agosto de 2021, aos 75 anos. Seu corpo foi velado sob forte emoção na Paróquia e Santuário Nossa Senhora da Conceição, com as presenças de diversas autoridades. O seu sepultamento aconteceu no dia 9 de agosto, no Cemitério Cristo Rei, em Tatuí. 

Deixou um legado de obras e ações humanizadas, saudades e muitos amigos. Alguns projetos deixou-os praticamente prontos, como o novo Paço Municipal. Aos mais próximos, repetia com frequência uma frase que a definia muito bem: “Onde existe Amor … Deus aí está!”.  

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Veja também:

Skip to content